A melhor Plataforma
E-commerce do Brasil
(11) 3136-0561
Crie sua loja virtual

E-commerce para pequenas empresas

Tema: E-commerce

09/10/2014

Fonte: Administradores.com

Podemos definir o comercio eletrônico como um tipo de transação comercial feita especialmente através de um equipamento eletrônico, como, por exemplo, computadores, tablets e smartphones. E-Commerce ou Comércio Electrônico compreende qualquer tipo de negócio/transação comercial que implica a transferência de informação através da internet.

Existem diferentes tipos de negócio que se estabelecem por e-commerce, B2B (Business to Business) ou B2C (Businnes to Consumer) que se dirige diretamente ao consumidor, este último está em franco crescimento nas diversas áreas de negócio bens e serviços, com a proliferação também da oferta de criação de lojas on-line.

A criação de uma loja on-line está a ser encarada pelas empresas não apenas como uma atualização, acompanhamento das novas tendências, mas também como uma área de negócio alternativa explorando as suas vantagens face aos métodos tradicionais. Uma pesquisa feita em parceria com Sebrae, mostrou perfil das pequenas empresas que vendem pela internet, e quais suas características: Uma em cada três empresas operam na internet. Os pequenos e-commerce tem em média 7 funcionários atuando.

Em relação ao faturamento 13,85% é direcionado para o investimento em marketing, tendo uma taxa de conversão de vendas de 1,7%. 137 é o número médio de pedidos mensais pelas pequenas empresas que vendem on-line e quase 60% dos participantes já operam com lucro. A Região Sul por exemplo (RS/SC/PR) já responde por 20,85 das compras pela internet, sendo que no Sudeste este número aumenta para 63,3%. Em relação ao faturamento, 35,2% faturam menos de R$ 5 mil/mês. 24,3% faturam entre R$ 5 mil e R$ 30 mil/mês.

E 22% entre R$ 30 mil e R$ 300 mil/mês. Acima de R$ 300 mil/mês já atinge 18,5% de faturamento. Em relação aos principais meios de entrega 87,1% são pelos correios. 36,6% por transportadora privada, 14,8% por motoboy, 12,5% por frota própria e 6,3% outras opções. Em relação aos canais de atendimento, 95,7% dos casos é feito por e-mail e 18% das empresas já adotaram o WhastApp. O e-commerce para as empresas tem muitas vantagens também.

Vejamos alguns: A sua rede de loja(s), negócio esta disponível 24 horas e 7 dias por semana; Possibilidade de desconto maior no produto tendo em vista o custo de contratação de vendedores e sem repasse de comissões aos mesmos; Você não precisa alugar uma loja física e investir em decoração, vitrines, segurança e saneamento; Facilidade no acesso a novos mercados e clientes, com reduzido esforço financeiro; A vantagem competitiva das grandes empresas para as pequenas é menor.

Um eficiente e atrativo portal de compras na Internet não necessita de um elevado investimento financeiro. O cliente escolhe por quem lhe dá mais confiança e melhor serviço; Contato permanente com todas as entidades intervenientes no processo, as interação são mais rápidas, diminuindo os custos relacionados com a comunicação. Conhecimento constante do perfil de clientes, seus hábitos e regularidade de consumos.





Veja também

Google+